Parque Nacional de Brasília e Floresta Nacional de Brasília

Parque Nacional de Brasília e Floresta Nacional de Brasília

Parque Nacional de Brasília e Floresta Nacional de Brasília

Razão social da empresa: Ministério do Turismo

CNPJ da Empresa: 05.457.283/0002-08

Nacionalidade da Empresa: Brasil

Responsável pelo projeto: Coordenação-Geral de Aproveitamento Turístico de Ativos de Domínio Público

Site da Empresa: www.turismo.gov.br

Data estimada de início: 15/04/2021

Data estimada de conclusão: 31/12/2021

Natureza do Investimento: Brownfield

Modelo de Contrato: Concessão

Valor estimado: Entre USD 1 – USD 10 milhões

Estimativa de novos empregos: Até 49

Metragem de área construída total do projeto em m²: 423.890.100

Metragem de área total adquirida em m²: 423.890.100

Grupo operador: PRODOC – UNESCO

Descrição do projeto:

Criado em 29 de novembro de 1961, o parque possui uma área de 42.389,01 hectares e abrange as regiões administrativas de Brasília-DF, Sobradinho- DF e Brazlândia-DF e o município goiano de Padre Bernardo.

A principal atração do parque é a parte das piscinas. Os afloramentos do lençol freático e as minas d’água surgidos à época da construção de Brasília e durante a implantação de vias de acesso e a exploração de areia, deram origem à Piscina Pedreira (piscina velha), levando a uma crescente demanda para a construção de uma segunda área de recreação, que é a Piscina Areal (piscina nova).

Para quem gosta da prática de esporte em contato com a natureza, o parque dispõe de duas trilhas de pequena a média dificuldade: a da Capivara – trilha para caminhada, indicada para crianças (sempre acompanhadas por um responsável) e com duração aproximada de 20 minutos; e a da Cristal Água – para prática de caminhada e de mountain bike, com duração de 1h a 3h40 (caminhada) e de 20 minutos a 1h30 (bicicleta), conforme percurso escolhido.

Além disso, o parque protege ecossistemas típicos do Cerrado do Planalto Central e abriga as bacias dos córregos formadores da represa Santa Maria, que é responsável pelo fornecimento de 25% da água potável que abastece o Distrito Federal.

 

Dados sociais, econômicos e ambientais do local do projeto: